Compartilhe!

“Às vezes a preguiça nem sempre é algo ruim”, já dizia Bill Gates. Isso reflete muito bem a história de um certo programador anônimo que automatizou sua vida completamente.

Esse certo programador era empregado de uma empresa na qual ele se demitiu, sendo assim os ex-colegas do mesmo foram verificar seus arquivos na empresa e encontraram alguns scripts e resolveram publicar no GitHub. O que se descobriu depois era que esse programador era na verdade um gênio e que qualquer coisa que ocupasse mais de 90 segundos de sua vida ele simplesmente criava um script para automatizar aquilo, disse o usuário do GitHub,  Narkoz.

Entre os scripts, havia um que caso o programador não estivesse logado no escritório até 8:45, automaticamente era enviado um e-mail para seu chefe na qual dizia que ele não poderia comparecer ao escritório no dia e iria trabalhar de casa. Outro script continha uma lista de desculpas na qual uma seria enviada para sua esposa justificando o porque dele ainda não estar em casa.

Outro, senão o mais interessante, se chamava “kumar_asshole”, que parece que foi desenvolvido para um cliente bem especifico, varria a caixa de e-mail em busca de mensagens do tal Kumar e caso fosse detectado palavras como “help”, “sorry” ou “trouble” (“ajuda”, “desculpas” ou “problemas” em inglês). O banco de dados do cliente era revertido para um backup anterior e enviava uma mensagem dizendo “Sem problemas, tenha cuidado da próxima vez”.

Acredite ou não ele também tinha um script para preparar o seu café, onde o ele espera exatos 17 segundos para começar a preparar o café, e outros 24 segundos para despejar o café no copo, que são os exatos 24 segundos para sair da cadeira do escritório e ir até a máquina de café, e enquanto ele fazia isso, seus amigos nem sabiam que a máquina era conectada a rede da empresa.