Compartilhe!

A Activision temporariamente baniu o mapa ‘Favela’ de Call of Duty: Modern Warfare 2 após denúncias de que uma citação atribuída ao profeta Maomé, foi escrito em dois quadros em um banheiro do mapa. Tem uma caligrafia ornamentada da citação:

“Alá é bonito e Ele ama a beleza”.

Esse provavelmente não é o único lugar que apareceu em MW2, embora, o mapa (Favela) reaparecerá em uma DLC grátis (Assim como o mapa “Terminal”) em Modern Warfare 3.

callofdutymodernwarfarezu

“Pedimos desculpas a todos que encontraram esta ofensiva imagem”, a Activision disse em um comunicado. ”Tenha certeza de que não estávamos cientes do problema e que não houve intenção de ofender.“

A Activision “urgentemente” está trabalhando em um título de atualização para remover a textura de MW3, e menos urgentemente para tirá-lo do MW2. Também está vasculhando suas bibliotecas de textura para ver ser tem algo semelhante.

“A Activision e nossos estúdios de desenvolvimento são respeitosos de diversas culturas e crenças religiosas, e sensível às preocupações levantadas por seus jogadores leais. Agradecemos aos nossos fãs por trazer esse assunto a nossa atenção”.

Via GameVicio