Compartilhe!
Bom, fugindo um pouco do assunto que eu normalmente postaria, hoje mostrarei algo intrigante.

A história da foto começa em setembro de 1998 quando uma menina de 12 anos foi encontrada morta. Possivelmente ela teria sido estuprada. Mas o que realmente chocou foi a análise feita nos objetos que estavam ao lado do corpo. Eram objetos datados à mais de 30 anos. Pergunta: como o corpo foi perfeitamente preservado durante todo esse tempo? Sem respotas concretas a respeito do caso, iniciou-se uma investigação à cerca do mesmo. Descobriu-se então  que há 30 anos uma menina de um covento local desapareceu e nunca mais foi vista. Marian Melisa Taylor havia nascido em 6 de junho de 1950 e desaparecido em 24 de julho de 1962.

Em meio a papelada foi encontrada uma foto, que estava muito desgastada, sendo necessário ultilizar uma técnica chamada espectrografia, que revelou a seguinte imagem :

Quando a foto foi vista, todos se assustaram, pois na foto original a menina usava um vestido azul, e na foto ao lado percebe-se que ela está nua. Sem explicação para tal fato a foto original escafedeu-se. Porém após aplicarem uma inversão de cores na foto, ficou ainda mais evidente a imagem >>

Por de trás da garota nua, podemos ver algo como sendo um ser de chifres, com uma ‘mão’ no ombro direito da garota, como se a puxasse pra perto (seria o diabo pedófilo ?)

Até hoje não se sabe como a foto de uma menina de vestido revelou essa imagem. Também não se sabe como o corpo dela permaneceu intacto durante anos. O certo é que a história continua sendo um mistério.

Farsa? Não sei. Verdade? Pode até ser. Curioso? Sim.
Assustador? nem um pouco. mais assustador é ouvir Luan Santana cantando amar não é pecado!!

OBS: Desculpem as ironias..