Compartilhe!

Com o objetivo de conscientizar o público que gosta de jogos eletrônicos – em sua maioria, do sexo masculino –, um grupo de meninas gravou um vídeo e publicou no YouTube. O protesto é uma forma de lutar contra o preconceito que sofrem as meninas que jogam videogame.

O vídeo tem pouco mais de 2 minutos, e mostra várias meninas que jogam gêneros diferentes, como “World of Warcraft”, “Modern Warfare”, e até mesmo games de Atari. E todas pedem para que as pessoas não as vejam como estranhas apenas porque são mulheres.

Um detalhe curioso é que o vídeo apela para a mensagem “Don’t be sexist” (“Não seja sexista”), mas o nome do canal no qual o vídeo foi publicado é SexyNerdGirlPresents. Ironias à parte, a mensagem tem percorrido a Internet e gerado certa polêmica entre gamers – homens e mulheres.